Sidebar

20
Sáb, Out

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

A CTB recebeu na manhã desta terça-feira (27), a visita do cônsul geral de Cuba, embaixador Lázaro Méndez Cabrera.

O cônsul foi recebido pelo Secretário Adjunto Internacional da Central, João Batista Lemos, que apresentou as dependências da CTB e explicou a atuação e a organização da entidade classista na luta pela construção de uma política justa e democrática para o Brasil.

Participaram do encontro a secretária adjunta de finanças, Gilda Almeida, Carlos Rogério Nunes, Secretário de Políticas Sociais e as assessoras da CTB, Marcia Regina Viotto e Cristiane Oliveira.
Lázaro explicou como é seu trabalho no Brasil e como o consulado abrange seis estados brasileiros que correspondem a uma área 13 vezes maior que Cuba. E que só nessa região, a população é 10 vezes maior que na ilha.

Educação para todos

Sendo o primeiro país do mundo a erradicar o analfabetismo, Cuba tem a educação fundamental, média e superior gratuita, para todos os cidadãos cubanos, desta forma, o diplomata conversou sobre a concentração de cubanos no Brasil e sobre o intercâmbio educacional que ocorre entre os países.

Segundo Lázaro, neste momento cerca de 300 brasileiros estão estudando medicina em Cuba. Desse total, 80 estudantes são ligados ao Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST).

O MST promove os estudos de militantes para que desenvolvam suas atividades nos assentamentos e, com isso, deem continuidade a luta e a política de melhoria das condições de vida das famílias que residem no campo. Essas são pessoas que estão estudando veterinária, medicina, odontologia, dentre outros cursos.

Haiti

Cuba é conhecida por sua excelência na educação e, principalmente, em relação à medicina. Sendo assim, após um acordo entre Brasil e Haiti, 800 médicos cubanos, juntamente, com médicos brasileiros formados na ilha estão trabalhando na reconstrução das cidades atingidas pelo terremoto que atingiu o país.

“Enquanto o imperialismo manda para o Haiti exército, nós cubamos mandamos médicos para salvar vidas. Esta é uma pequena diferença”, explicou Lázaro.

Embargo

Desde 1962, Cuba vive um criminoso e rígido embargo comercial imposto pelo imperialismo norte americano. Essa medida causou perdas à economia, contudo, apesar de ainda ser um país muito pobre, seu Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do país é extremamente alto.

“Esse embargo é um atentado ao povo cubano, pois é a luta de uma formiga contra o elefante. Somos uma comunidade pequena que socializa e não capitaliza e, desde sempre, os americanos inventam justificativas para tal atrocidade, primeiro era porque exportávamos revolucionários, depois porque nos tornamos um satélite da União Soviética e agora violamos os direitos humanos”, diz Lázaro.

Lázaro concluiu dizendo que esta situação parece com a guerra do Iraque. Uma ação militar baseada em mentiras onde os americanos justificaram a invasão por se tratar de um país terrorista e que possuía bombas de destruição em massa. Mas nada foi encontrado.

A CTB

João Batista explicou para o embaixador Lázaro um pouco sobre a luta classista e como, em pouco tempo de existência, a CTB se tornou a terceira maior central sindical do Brasil.

O diplomata recebeu das mãos de Gilda um camiseta da entidade, um exemplar da revista Visão Classista e uma Agenda da Classe Trabalhadora, documento tirado da realização da segunda Conclat, uma luta da CTB em unir as centrais por um projeto nacional de desenvolvimento com soberania e valorização do trabalho.

“A CTB se coloca a serviço da revolução cubana. O que vocês precisarem podem contar conosco, pois todos os avanços que conquistamos na América Latina e no Brasil foram inspirados na revolução cubana”, disse Batista. “Isso é uma coisa que o imperialismo não pode mudar”, concluiu.

Viva o socialismo! Viva a CTB! Viva Cuba! Viva a luta classista!

Por Fábio Rogério Ramalho – Portal CTB

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.