Sidebar

24
Seg, Jun

Rurais
Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

A reforma da Previdência, proposta pelo governo Bolsonaro, deixa claro que o presidente desconhece a realidade da maioria dos brasileiros. A PEC 06/19 estabelece uma idade mínima para a aposentadoria e afeta, sobretudo, as mulheres do campo, já que cerca de 70% começam a trabalhar antes dos 14 anos de idade.

Pelo projeto, na aposentadoria rural, mulheres e homens precisam ter idade mínima de 60 anos e 20 anos de tempo de contribuição. A regra atual é de 55 anos para mulheres e 60 anos para os homens, com tempo mínimo de atividade 15 anos.

Além disso, há outro problema para as trabalhadoras rurais. É a mudança na regra de contribuição das agricultoras. O recolhimento previdenciário é indireto, com desconto no momento da venda na produção. Pela reforma da Previdência, quem trabalha no campo terá de pagar R$ 600,00 por ano em contribuições.

 

Com informações de bancariosbahia.org.br

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.

Conferência Nacional

banner cndr 2015

Últimas notícias rurais