Sidebar

21
Qua, Nov

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

O Teatro Nacional será palco de apresentações diárias do Grande Ato dos Artistas pela Democracia , em Brasília. A partir desta quarta-feira (13) até o domingo (17), artistas de todo o país mostram sua força e alegria na grande festa da democracia, como não se via desde a ditadura (1964-1985).

Para enterrar de vez a trama golpista, representantes da cultura nacional erguem a voz e se aliam ao povo brasileiro para defender a nação.

artistas pela democracia brasilia

De quarta a sexta-feira os espetáculos vão das 16h ás 22h; no sábado terminam à meia-noite e no domingo (17), dia em que os deputados federais que realmente amam o país e prezam pelo povo brasileiro e enterrarão de uma vez por todas o golpe contra as conquistas de quem produz a riqueza do país.

Desde que a ameaça golpista se intensificou, os representantes da cultura brasileira têm se manifestado nas redes sociais e nas ruas para gritar em alto e bom som, como fez Chico Buarque ontem no Rio de Janeiro, que Não Vai Ter Golpe. A cultura cumpre o seu papel, porque como disse o ator Tonico Pereira, sem liberdade não se vive.

Artistas da música, do teatro, do cinema, das artes plásticas, do  circo, da rua, enfim e todas as expressões e vertentes se unem para defender as conquistas dos últimos 13 anos, que não são poucas. 

Denunciam com sua arte, a intenção dos golpistas de apear da Presidência, a primeira mulher eleita para o cargo e no segundo mandato com mais de 54 milhões de votos. Querem tornar o salário mínimo, mínimo, acabar com o 13º salário, cortar férias e descanso remunerado, além de vale-alimentação e vale-transporte, entre outros direitos trabalhistas.

O Grande Ato Artistas pela Democracia promete lotar o Teatro Nacional e levar cultura e informação para todos e todas. No Brasil inteiro ocorrem ocupações de espaços públicos com acampamentos e espetáculos. 

Lembrando que a data escolhida pelos golpistas para votar o impedimento da presidenta Dilma, completa 20 anos da chacina de Eldorado dos Carajás, no Pará. E dia 11 de abril (data em que a comissão de impeachment admitiu esse pedido torpe), marca a data em que Joaquim Silvério dos Reis traiu Tiradentes, qualquer semelhança com os personagens atuais não é mera coincidência.

Como defendem Chico Buarque, Wagner Moura e outros em manifesto lançado recentemente: “Estamos reunidos para defender o presente. Para espantar o passado. Para merecer o futuro. Para construir esse futuro. Para merecer o tempo que nos foi dado para viver”.

Serviço:

Grande Ato dos Artistas pela Democracia

Teatro Nacional - Brasília

De 13 a 15, das 16h às 22h

Sábado, dia 16, das 16h às 24h

Domingo, dia 17, espetáculos o dia inteiro.

Portal CTB - Marcos Aurélio Ruy

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.