Sidebar

23
Qua, Mai

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Dirigentes da CTB Correios de diversos estados se reuniram na sede nacional, em São Paulo, na tarde da última terça-feira (25), para debater a eleição para o Instituto de Previdência Complementar Postalis (Fundo de Pensão dos Funcionários dos Correios), que começa na próxima quinta-feira (27).

Este ano, além da representatividade trabalhadora dentro dos Conselhos Deliberativo e Fiscal, os trabalhadores dos Correios também irão eleger o Diretor de Benefícios do fundo de pensão da categoria.

As eleições acontecem de 27 de julho à 7 de agosto, e contarão com a participação de 137 mil ecetistas (ativos e aposentados), que votarão exclusivamente pela internet.

Quatro dirigentes da Federação Interestadual dos Trabalhadores em Correios (Findect) compõem a Chapa que é apoiada pela CTB: Marcos Antônio Sant’aguida do Nascimento (RJ) para Diretor de Benefícios; Jose Aparecido Rufino (TO) e Nilton França Soares (RJ) para o Conselho Deliberativo; e Manoel de Lima Feitosa (SP) para o Conselho Fiscal.

whatsapp image 2017 07 25 at 16.31.231

“A CTB apoia os candidatos para representarem os trabalhadores e trabalhadoras ecetistas, por confiar na história de lutas e nas propostas de cada um”, afirmou Elias Cesário, o Diviza, vice-presidente da Findect e presidente do Sintect-SP.

De acordo com Findect, o processo eleitoral é um momento de grande importância para a categoria, que poderá eleger representantes próprios, de confiança, para administrar o fundo de pensão dos ecetistas.

A votação será feita pela internet e consciente das dificuldades da categoria, e preocupada com o futuro do fundo de pensão dos ecetistas, a Findect protocolou um ofício, solicitando o acesso dos Trabalhadores à computadores com a plataforma de votação na própria unidade.

“Essa decisão foi uma vitória na democratização das decisões dos trabalhadores. A categoria está sendo penalizada por falhas de gestão e decisões que contrariam as vontades dos ecetistas. Por isso, é preciso e urgente a mudança”, ressaltou.

Portal CTB

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.